domingo, 30 de dezembro de 2012

JOVEM ESTAGIÁRIA QUE DISSE TER SIDO VÍTIMA DE ESTUPRO MORRE APÓS QUEDA DE EDIFÍCIO.

Estranhíssimas as circunstâncias em que ocorreu a morte da jovem Viviane Alves. Ela caiu ou se jogou do 7o. andar do prédio onde residia. Para começar, o fato não teve a repercussão que é comum em casos semelhantes. Depois, a Polícia de São Paulo só agora confirma o fato, ocorrido no dia 3 de dezembro, uma semana após a jovem participar de uma festa no escritório de advocacia onde era estagiária e, afirmou para familiares e através de bilhetes, que foi vítima de estupro. Pesquisando sobre o fato, além da matéria que reproduzimos, é possível acrescentar que: O caso é o mais absoluto mistério ?!?!.


A morte de uma estudante de direito, que caiu do sétimo andar de um prédio em São Paulo, pode estar relacionada a um possível estupro que teria ocorrido em uma festa no escritório de advocacia Machado Meyer, um dos maiores do país, no qual a jovem estagiava. 

Segundo informações da Folha de S. Paulo, a polícia trata o caso como "morte suspeita", mas não deu detalhes da investigação – disse que espera por laudos para saber se a ela foi drogada e/ou estuprada na festa. A morte, que ocorreu no último dia 3, foi confirmada pela Secretaria da Segurança na sexta-feira.

Viviane Alves Guimarães Wahbe, de 21 anos, cursava direito na PUC. O escritório lamenta a morte. Em nota, disse que, em respeito à memória da jovem, não iria se manifestar. A família de Viviane disse aos policiais que ela não tinha problema familiar, mas passou a ficar transtornada desde a festa, no dia 24 de novembro. 

A jovem contou que, na festa, tomou duas taças de champanhe e, depois, não se lembrava de quase nada, apenas de flashes nos quais dizia ter sido estuprada. No quarto dela, a polícia informou ter achado um texto com trechos como "me drogaram" e "me estupraram".

Do JB

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

CRIME NA BOATE PASSEIO - IDENTIFICADO PROVÁVEL ASSASSINO

A DELEGACIA de Homicídios parece ter esclarecido o homicídio ocorrido na Cinelândia - Centro do Rio de Janeiro. Após uma discussão e briga, o securitário Júlio C. Gomes recebeu três tiros na porta da Boate Passeio Público. A DH encontrou uma identidade falsa no local e através dela chegou ao nome do homem que está sendo acusado de ter feito os disparos - BBN

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

DESARMAMENTO - Entrega voluntária de armas aumenta 60% na semana anterior ao Natal

Carolina Sarres
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O Ministério da Justiça registrou na semana anterior à do Natal entrega voluntária de armas de fogo 60% acima do registrado em outros períodos do ano. No total, foram entregues 818 armas contra 509 na semana anterior. A entrega de armas faz parte da Campanha do Desarmamento, que já recolheu mais de 64 mil armas.

Atualmente, há mais de 2 mil postos de coleta de armas, como delegacias da Polícia Federal e da Polícia Federal Rodoviária, entre outros. A pessoa não precisa se identificar na hora de entregar a arma.

São Paulo foi o Estado em que mais se entregaram armas: 288. Em seguida, vieram a Bahia, com 162, e o Rio Grande do Sul, com 96. Foram entregues 358 revólveres; 259 espingardas e 73 pistolas.

Para transportar armas de fogo até um posto de entrega, é necessário portar uma guia, disponível na página da PF na internet. A arma deve estar descarregada e as munições armazenadas separadamente. A indenização por arma entregue varia entre R$ 150 e R$ 450, disponíveis por meio de um número de protocolo que permite o saque da quantia em caixas do Banco do Brasil entre 24 horas e 30 dias depois da entrega.

Mais informações sobre a entrega de armas estão disponíveis na página da campanha na internet.

Edição: Nádia Franco

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

O CRACK AVANÇA E MATA ENQUANTO ESPECIALISTA EM SAÚDE E AUTORIDADES NÃO SE ENTENDEM

O PODER PÚBLICO TEM SIDO IRRESPONSÁVEL NO ENFRENTAMENTO DESSE GRAVE PROBLEMA.


Tem dinheiro para quase tudo, mas, para enfrentar o problema de população de rua, e dependentes químicos, os recursos não aparecem com a rapidez e quantidade suficiente, ou, pior, são mal aplicados.

Sobre esse tema, Leia + AQUI

<>

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

DORES DO NATAL - SOBRE A MORTE DE FLÁVIA DA COSTA, JOVEM BALEADA NO ENGENHO NOVO.


 por Jorge Antonio Barros - 
24.12.2012
CRÔNICA

Dois sentimentos deveriam prevalecer no Natal de qualquer ser humano: paz e alegria. Mas há no mundo um incontável número de conflitos armados e a tristeza domina muitos povos e nações. Quando se vê a tradicional movimentação de Natal e os preparativos para a ceia de hoje à noite, é difícil imaginar que mais de dois mil anos após o nascimento do menino-Deus a humanidade ainda sofra tanto. Para os cristãos, o sofrimento é consequência direta do fato de a humanidade ter rejeitado o salvador. Não ter entendido direito por que e para que ele veio. É. Pode ser.

O fato é que é nesta época do ano que algumas dores se tornam mais vivas. A saudade de alguém que se ama e está distante, tão distante que nem a internet alcança. A saudade de alguém que partiu e nunca mais deu notícias. A saudade de alguém que morreu e era muito importante, sobretudo no Natal. Imagino que todas essas dores não se comparem a dor do pai que perdeu sua filha neste Natal. A história de um me chama a atenção porque aconteceu na cidade onde moro.

É o caso de Luiz Gustavo da Silva, pai de Flávia da Costa Silva, de 26 anos, que morreu hoje de manhã três dias depois de ter sido internada em estado grave no Hospital do Andaraí. Chegou ali com uma bala na cabeça, disparada provavelmente num confronto entre traficantes de uma favela com o terrível nome de Árvore Seca. Flávia não brigou com ninguém. Nem mesmo reagiu a algum assalto. Ela estava dentro de um ônibus da linha 232 (Praça Quinze-Lins). A "pedrada" quebrou o vidro e Flávia tombou no chão do coletivo. Alguns passageiros ainda se jogaram ao chão, temendo mais balas. Consta que Flávia foi a única atingida dentro do ônibus.

Parece história de terror. Morreu na véspera de natal a jovem que foi atingida na cabeça por uma bala perdida, dentro de um ônibus no Engenho Novo. E o pior é que nenhum de nós está livre disso neste país, onde são mortas 50 mil pessoas por ano e neste estado, sobretudo nas áreas fora das 28 Unidades de Polícia Pacificadora. Quatro anos depois da inauguração da primeira UPP, no Morro Santa Marta, ninguém mais pode dizer que a situação da cidade piorou do ponto de vista criminal. Mas a blindagem das UPPs a críticas não pode ser determinante a ponto de não olharmos mais para outras partes da cidade onde se refugiram os egressos das áreas beneficiadas pelo projeto de pacificação. 

O aumento da concentração de criminosos na Baixada, Niterói e Zona Norte do Rio é um indício claro de que houve migração de traficantes que atuavam nas áreas pacificadas. E os moradores daquelas áreas não podem esperar eternamente pela chegada de UPPs. A polícia precisa agir em áreas ainda não pacificadas, o Estado brasileiro precisa controlar a entrada de armas e drogas nas fronteiras, os legisladores precisam estar antenados com as mudanças necessárias para tornar a polícia mais ágil e menos corrupta.

A situação é complexa, não há dúvida. Mas tente explicá-la ao pai de Flávia e a família dela, hoje à noite, na ceia de Natal. Justamente agora que estavam tão felizes que a moça, recém formada, havia conseguido um bom emprego.

Para tentar amenizar sua dor, Luiz Gustavo reage:

— Não quero deixar o assunto morrer. Quero saber quem foi que matou minha filha -- desabafou o pai.

Para tentar amenizar a dor de mais uma família enlutada, deveríamos ser totalmente solidários com a luta dela. É para que um dia menos pessoas sintam essa dor na véspera de Natal.

Sonho com um mundo no qual pelo menos um dia do ano não deveria haver nenhuma dor, para nenhuma pessoa, nem mesmo para aquelas que provocam dores nas outras pessoas e depois é Deus quem paga a conta.

sábado, 22 de dezembro de 2012

JOVEM BALEADA NO "232" ESTÁ EM MORTE CEREBRAL. ATÉ QUANDO O ENGENHO NOVO E O LINS FICARÃO NAS MÃOS DOS BANDIDOS ?

PACIFICAÇÃO PELA METADE, INSEGURANÇA POR INTEIRO !


Chorei muito ao ler a notícia agora pela manhã. Peço a DEUS que conforte e dê muita coragem e forças aos pais e familiares de Flávia. Para ela a minha oração e meu pensamento de LUZ e PAZ. Perdão Flávia, a nossa sociedade e nossas autoridades não sabem o que fazem.

A jovem Flávia Costa de 26 anos, baleada na cabeça na manhã de ontem teve diagnosticada a sua morte cerebral. Flávia estava no ônibus da Linha 232 - LINS / PÇA XV por volta das 7:15, quando na Rua Araújo Leitão foi atingida. No local ocorria um tiroteio, provavelmente entre traficantes, visto que não havia Polícia no local naquele momento.

A realidade, a dura realidade, é que Engenho Novo e Lins estão atravessando um dos piores momentos em termos de INSEGURANÇA E VIOLÊNCIA. A ocupação das Favelas do Complexo do Jacarezinho e Manguinhos, pulverizou os grupos de criminosos e boa parte deles foram se esconder no chamado COMPLEXO DE FAVELAS DO LINS. 

O Local onde Flávia foi baleada é conhecido como ÁRVORE SECA, 'famoso' pelos bailes FUNK regados à DROGA, desordem e barbárie em todo o seu redor. Comunidades de Cachoeirinha, Barro Vermelho, Cachoeira, Marcílio Dias e Gambá vivem um pico de violência, que se traduz em assaltos a pedestres e roubos de carro e estabelecimentos comerciais, que se estendem até Méier, Engenho de Dentro e Todos os Santos. Vale ressaltar que o Centro do Méier está cheio de viciados em crack perambulando e dormindo nas calçadas e na passarela que une os dois lados do bairro.

O Projeto de pacificação de comunidades é importante e reconhecidamente com bons resultados, apesar das falhas e dificuldades naturais que apresenta, mas, desacompanhado de um plano de policiamento ostensivo no "asfalto", acaba por se transformar  numa punição para os demais cidadãos que são vizinhos das referidas comunidades. 

Assim, espera-se que o GOVERNADOR SÉRGIO CABRAL e seu secretário de Segurança MARIANO BELTRAME atentem para o fato e tomem as devidas providências. Não adianta cobrir um santo e descobrir outro.

PACIFICAÇÃO PELA METADE É INSEGURANÇA POR INTEIRO !

007contraocrime

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

EM VÍDEO R7 - JOVEM BALEADA NO ENGENHO NOVO DENTRO DE ÔNIBUS CONTINUA EM ESTADO GRAVE NO HOSPITAL DO ANDARAÍ

Agentes da Delegacia do Engenho Novo (25ª DP) investigam se uma disputa entre traficantes rivais pelo controle da venda de drogas no complexo de favelas do Lins provocou o tiroteio, que feriu Flávia da Costa Silva, atingida por uma bala perdida dentro de um ônibus, na manhã desta sexta-feira (21).

A informação foi confirmada pelo delegado Bruno Gilabert, que investiga o caso.

— As informações que temos por enquanto são preliminares, mas houve tiroteio na região na noite passada e na manhã de hoje. Não temos informações de operação policial na região. A hipótese mais provável é a de troca de tiros entre traficantes.

Flávia foi atingida na cabeça enquanto passava de ônibus pela rua Araújo Leitão, no Lins de Vasconcelos. O motorista do ônibus desviou do caminho e seguia com a vítima para o hospital, quando encontrou com uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), já na rua Barão do Bom Retiro, que levou Flávia para o Hospital do Andaraí.

Segundo a assessoria de imprensa do Hospital do Andaraí, a paciente deu entrada em estado grave e recebia, por volta das 9h20, os primeiros atendimentos de emergência.

O ônibus onde a vítima estava quando foi atingida faz a linha 232 (Praça 15 – Lins). A polícia acredita que o tiro tenha partido da favela Árvore Seca. Assista ao vídeo:

Clique no link

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

TRAFICANTES ATACAM UUP NO MORRO DA MANGUEIRA


É GRAVE A CRISE POR QUE PASSA O PROGRAMA DAS UNIDADES DE POLÍCIA PACIFICADORA NO RIO DE JANEIRO.


Aos poucos os traficantes vão se armando e voltando a atuar como antes da ocupação. É certo que o tráfico de drogas nunca deixou de existir nas áreas ocupadas, mas, isto não era mesmo algo que se pudesse esperar. Tráfico de drogas ocorre até no "asfalto". O problema é que os grupos criminosos voltaram a ostentar armas pesadas e até a ocupar novamente algumas partes de certas comunidades. Ou o governo toma medidas adicionais, reavalia algumas das estratégias, ou, em breve a pacificação do Rio, que não foi nem concluída já estará destruída.


Da; Folha.com
Homens armados atacaram policiais da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) instalada na comunidade do Morro da Mangueira, na zona norte do Rio. Há suspeita de que os criminosos estejam envolvidos no tráfico de drogas.

Houve troca de tiros e um dos policiais foi ferido com tiro de raspão no rosto. Levado para o Hospital Central da PM, o militar foi medicado e está em observação. Ele passa bem.

Policiais militares fazem buscas na localidade da Caixa D'água onde ocorreu o confronto e em outros pontos do Morro da Mangueira na tentativa de encontrar os criminosos.(MARCO ANTÔNIO MARTINS)

sábado, 15 de dezembro de 2012

BOPE MATA CINCO SUPOSTOS TRAFICANTES NO MORRO FAZ QUEM QUER


Diante dos fortes indícios de que os mortos e presos na Operação de hoje no Morro Faz Quem Quer são de fato traficantes como a Polícia  afirma, o BOPE aplicou um duro golpe no crime. Os bairros de Turiaçu e Colégio, como de resto a maior parte da Cidade, notadamente as Zonas Norte e Oeste ainda estão longe da sonhada "pacificação". 

Ação do Bope na zona norte do Rio deixa cinco mortos
15/12/2012 

Douglas Corrêa
Repórter da Agência Brasil



Rio de Janeiro - Uma ação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar contra o tráfico de drogas no Morro do Faz Quem Quer, entre os bairros de Turiaçu e Colégio, na zona norte, resultou na morte de cinco pessoas acusadas de participação no tráfico na comunidade. Uma pessoa ficou ferida e foi encaminhada ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes.

Na operação, quatro criminosos foram presos, entre eles, três mulheres. Os militares apreenderam uma espingarda, duas submetralhadoras, duas pistolas, além de 12 quilos (kg) de pasta base de cocaína e 2,5 mil papelotes de cocaína preparados para a venda.

O objetivo da ação do Bope era prender traficantes foragidos das comunidades da Mangueira, do Jacarezinho e do Complexo de Manguinhos ocupadas nos últimos meses pela Polícia Militar para implantação de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). Segundo a polícia, os criminosos mortos na ação de hoje (15) pertenciam à mesma facção criminosa e teriam fugido para o Morro do Faz Quem Quer, após a ocupação das comunidades onde participavam do tráfico de drogas.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

LEI SECA - PENA MAIS SEVERA PARA QUEM DIRIGIR ALCOOLIZADO - VÍDEO


A foto mostra o momento em que um motorista alcoolizado atropela um grupo de ciclistas no México.

Enquanto não se consegue através da conscientização e educação que os motoristas deixem de dirigir alcoolizados, faz-se necessário ter uma Legislação e um trabalho de fiscalização que garantam via a punição dos que insistem em cometer esse crime, diminuir a sua ocorrência. Todos os dias assistimos diversos motoristas sendo pegos na Blitz da Lei Seca, grande parte deles se nega a fazer o teste do bafômetro, o que deixa a quase certeza de que estão mesmo alcoolizados. Uma parcela significativa desses irresponsáveis que assim procedem (misturar álcool com direção) é de gente famosa, de destaque na sociedade e nos meios de comunicação, dando, portanto, um péssimo exemplo, pois vivem na Mídia dizendo uma coisa enquanto na prática fazem muito diferente.

A recente proposta da CCJ de aumentar a MULTA para quem for pego dirigindo alcoolizado é correta. Tem mesmo de doer no bolso. Melhor será quando, os crimes de trânsito, deixarem de ser encarados e punidos como de menor importância e potencial ofensivo. Não importa se o criminoso mata com um revólver ou mata com um carro. Se ele usou um ou outro de forma irregular, irresponsável e assumindo a postura de colocar a vida dos outros em risco, precisa ser punido com rigor.
<>

LEIA + AQUI
Rigor para punir motorista bêbado
CCJ do Senado aprova multa dobrada para quem for flagrado dirigindo alcoolizado
POR VANIA CUNHA
http://odia.ig.com.br/portal/rio/rigor-para-punir-motorista-b%C3%AAbado-1.525497

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

PROJETO DE PACIFICAÇÃO E UPPs ESTÁ AMEAÇADO - ESTADO E MUNICÍPIO COMETEM FALHA GRAVÍSSIMA

COBERTOR CURTO - DESCOBRINDO VINTE "SANTOS" PARA REFORÇAR O COMPLEXO DO ALEMÃO

Lamentavelmente as autoridades do Rio de Janeiro - Estado e Município - não estão aproveitando a oportunidade que a ocupação de várias comunidades lhe proporcionaram, para, conquistar o território e a população com serviços, cidadania e oportunidades. Acreditar que só com polícia é possível levar PAZ aos morros e favelas do Rio, é cometer o mesmo erro dos anos 50 do Século passado, quando foram instalados os famigerados DPOs - Destacamentos de Policiamento Ostensivo, que ao longo do tempo se mostraram ineficientes no combate ao crime e verdadeiro antros de corrupção e desmandos.

Para o agravamento da insegurança e violência no Complexo do Alemão, a SSP - PMERJ, responde com aumento do efetivo, retirando policiais de outras UPPs. Cobrem um "santo" e descobrem vinte outros. Quem foi que disse que a PAZ e segurança reina por exemplo na Mangueira, Jacarezinho, Fallet, Borel..., para que homens sejam tirados do patrulhamento de lá ?

Fica evidente ainda que o Estado não dispõe de efetivo para dar prosseguimento a implantação de novas Unidades, além do que, o policiamento ostensivo do asfalto,continua muito ruim. 

<<>>

A matéria é de O Dia -iG
Complexo do Alemão tem reforço de 20 UPPs
Medida foi adotada após assassinato de policial e do fechamento do comércio devido à morte de supostos comparsas

POR ANGÉLICA FERNANDES

Equipes de 20 UPPs ficarão no Complexo do Alemão por tempo indeterminado para reforço no patrulhamento. Após o toque de recolher do comércio no sábado, a mando do tráfico, ontem, as lojas e o transporte alternativo funcionaram normalmente. O corpo do sargento da PM Alexandre Antônio Henriques Barbosa, assassinado horas após o confronto com bandidos em Nova Brasília, foi sepultado na tarde de ontem.

domingo, 9 de dezembro de 2012

ASSASSINATO NO BAIRRO DE COLÉGIO - MULHER É BALEADA AO LADO DA FILHA DE 2 ANOS

A PRIMEIRA HIPÓTESE É DE TENTATIVA DE ASSALTO SEGUIDA DE MORTE, MAS, A POLÍCIA ESTÁ INVESTIGANDO OUTRA MOTIVAÇÃO.

Jaqueline Madeira - 24 anos

Pelas características do crime, a vítima foi baleada sem ter reagido ou ter tentado fugir, ao menos é oque dizem as primeiras informações, é possível s pensar em vingança e até "erro" quanto a pessoa que os criminosos queriam atingir. Eles chegaram em dois veículos, balearam a vítima e fugiram sem nada levar.

Infelizmente, mais um caso de violência que machuca a todos nós.

LEIA + AQUI

Mulher morre em possível tentativa de assalto em Colégio

Rio - Bandidos mataram uma mulher de 24 anos em uma possível tentativa de assalto na noite deste sábado, na rua Caiuá, em Colégio, Zona Norte da cidade. Jaqueline Madeira do Nascimento foi baleada na frente da filha, de dois anos, enquanto colocava o carro na garagem da sua residência.


FACEBOOK "LIBERTA" DETENTOS DE PRESÍDIO DE SEGURANÇA MÁXIMA

CORRUPÇÃO MÁXIMA EM PRESÍDIO DE SEGURANÇA NEM TÃO MÁXIMA ASSIM


Celular dentro de cela, em poder de detento que cumpre pena em presídio de segurança dita máxima, mostra o estado em que se encontra o nosso sistema prisional. Em alguns lugares são masmorras medievais, em outros, hotéis de luxo. Tudo vai depender se o apenado pode pagar por certas regalias. Ainda não inventaram um aparelho que impeça a corrupção do ser humano.
007contraocrime

Facebook vira terra sem lei para preso que tem celular
Autoridades e até representante da rede social dizem que controlar posts é missão impossível

POR ANDRÉ PIRES

Mato Grosso do Sul - Com a facilidade de acesso aos celulares, presidiários adotaram uma nova mania: atualizar o Facebook, passatempo que está sem controle das autoridades. Depois de encontrar no Facebook o perfil do detento Carlos Alexandre Matias Alves, que usa o nome Alexandre Riskado Mathias na internet e cumpre pena no presídio de segurança máxima de Campo Grande (MS), O DIA procurou o responsável pela rede social na América Latina, delegados de polícia, advogados e chefes de segurança. E a conclusão é a de que todos estão de mãos atadas no caso.

“Temos cuidados com os termos de política de uso, mas com o volume de conteúdo de 1 bilhão de pessoas (no mundo) é impossível monitorar tudo”, comenta Alexandre Hohagen, presidente do Facebook na América Latina, que deixa claro que a responsabilidade de desmascará-los não está nas mãos da empresa.

“O Facebook passa a ter responsabilidade a partir de quando é notificado de uma denúncia, o resto é dever do Estado”, ressaltou Denise Milani, advogada especialista em ações na Internet.

sábado, 8 de dezembro de 2012

TEMPLO É DINHEIRO - POLÍCIA ACUSA PASTOR DE SER CHEFE DE QUADRILHA DE MILICIANOS

O JUSTO NÃO PODE PAGAR PELO PECADOR


A operação PANDORA 2 revelou a atuação de um 'pastor' evangélico, como integrante de quadrilha de milicianos na Zona Oeste. A sede da igreja por ele fundada servia de 'escritório do crime', onde funcionava a central de agiotagem e extorsão aos moradores das comunidades próximas.

Não há, entretanto, que se falar em qualquer tipo de mácula aos evangélicos por conta do fato. Em todas as atividades existem aqueles que se dedicam a enveredar pelos caminhos tortos da ilegalidade ou desvirtuação de propósitos, não sendo, portanto, diferente quando se fala de religiosos. Assistimos rotineiramente notícias sobre padres pedófilos e até desvios financeiros no Banco do Vaticano, vez ou outra, exploradores do desespero alheio são presos por vender CHAVE DO CÉU e 'trabalhos' de magia, ou outros, ligados as religiões de Umbanda ou Candomblé.

O que se há de destacar no presente fato, é a necessidade urgente de que as autoridades de segurança dediquem mais esforços ao combate dessa atividade criminosa, agora já devidamente tipificada no CPP,das MILÍCIAS. Eles, os milicianos, possuem uma forma de atuar que representa grande perigo para a sociedade e suas instituições. Se fazem passar por pessoas desrespeito, escondidos em títulos e rótulos de políticos, empresários, policias e, como se vê agora, até religiosos.

LEIA + AQUI

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

OPERAÇÃO PANDORA 2 - PASTOR É PRESO ACUSADO DE CHEFIAR QUADRILHA DE MILICIANOS

HOMEM QUE SE DIZ PASTOR É ACUSADO DE TRANSFORMAR IGREJA PENTECOSTAL EM ESCRITÓRIO DE CRIME DOS MILICIANOS EM CAMPO GRANDE.


A que ponto se chegou nessa história de milícia no Rio de Janeiro. Até o mau uso do nome de igreja, transformando as suas dependências em escritório de agiotagem e coação eleitoral nós assistimos.

Sobe para 11 número de presos na Operação Pandora 2
Da Agência Brasil

Rio de Janeiro - A Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro informou hoje (7) que subiu para 11 o número de presos na Operação Pandora 2, desencadeada ontem (6) pelo órgão para desarticular uma quadrilha de milicianos que atuava na zona oeste da capital do estado. O pastor Dijanio Aires Diniz, que segundo as investigações iniciadas há cerca de um ano é apontado como um dos chefes da quadrilha, se entregou na tarde de ontem (6), na sede da Secretaria de Segurança, no Centro.

De acordo com a polícia, o pastor chefiava a quadrilha ao lado do ex-policial militar Carlos Henrique Garcia Ramos, conhecido como Henrique, que já se encontrava preso, e utilizava as dependências da Igreja Pentecostal Deus é Luz, em Campo Grande, na zona oeste, como escritório de empréstimos e cobranças. O templo funcionava como escritório da milícia, onde o pastor, além de cobrar os juros, desenvolvia uma espécie de exploração da fé, obrigando alguns fiéis a votarem em determinados candidatos. Segundo a polícia, o grupo cobrava 30% de juros ao mês das vítimas e fazia ameaças violentas a quem atrasasse o pagamento.

Durante a operação de ontem foram apreendidos um caminhão com combustível supostamente adulterado, cinco carros importados, três armas, munição e cerca de R$ 30 mil. Ao todo, segundo os agentes, a quadrilha movimentava cerca de R$ 500 mil mensais.

A Operação Pandora 2 foi um desdobramento da Operação Pandora 1, realizada em setembro de 2011, quando 17 pessoas foram denunciadas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do estado. Treze pessoas tiveram a prisão preventiva decretada e foram denunciadas à Justiça por formação de quadrilha armada para a prática de crimes hediondos, agiotagem e extorsão.

A operação contou com a participação de 100 policiais da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) e do Gaeco e tinha por objetivo cumprir 13 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão expedidos pela Justiça do estado.




Edição: Lílian Beraldo

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

EM VÍDEO - A POLÍCIA QUE ENVERGONHA TEM ESCRITÓRIO DO CRIME....

....FAZ "CONTRATO" COM BANDIDO - DEIXA OS CRIMINOSOS LIVRES POR RECEBER PROPINA - E SÓ "TRABALHA" (CUMPRE COM SUA OBRIGAÇÃO DE COMBATER O CRIME E DAR SEGURANÇA A POPULAÇÃO) SE OS BANDIDOS FICAREM INADIMPLENTES.


PMs presos na Operação Purificação, sobem as escadas para prestar depoimento.

A MATÉRIA É DO JORNAL O DIA - PRÁTICA CRIMINOSA DOS POLICIAIS É UMA AGRESSÃO À SOCIEDADE.


LEIA + AQUI

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

EX-PM MATA TODA A FAMÍLIA E SE SUICIDA - TRAGÉDIA ACONTECEU EM FERRAZ DE VASCONCELOS - SP

Da tragédia, só escaparam os filhos menores


SÃO PAULO - Um ex-policial militar matou a ex-mulher, os sogros, o cunhado e se matou em Ferraz de Vasconcelos, região leste da Grande São Paulo, nesta madrugada de quarta-feira, 5.

O crime ocorreu na casa das vítimas, em uma travessa da Rua Cândido Portinari, no bairro do Tanquinho. Segundo a polícia, inconformado com o fim do relacionamento, o ex-policial, identificado como Danilo, resolver disparar contra os familiares, que morreram no local.

Antes de se matar, ele também baleou o filho, um menino de 7 anos, que, atingido no pé, sobreviveu. A filha do casal, de quatro anos, foi resgatada por vizinhos pelo muro. O caso foi registrado na delegacia central da cidade.

Do MSN

CONDENADO UM DOS PMs QUE EXECUTOU A JUÍZA PATRÍCIA ACIOLI - 21 ANOS DE CADEIA

JUSTIÇA !


O AGORA EX-CABO DA POLÍCIA MILITAR OBTEVE UMA REDUÇÃO DE APROXIMADAMENTE 10 ANOS DE RECLUSÃO POR TER COLABORADO E AJUDADO A IDENTIFICAR E EM BREVE PROVAVELMENTE CONDENAR OS DEMAIS ASSASSINOS DA JUÍZA.

O EX-PM Sérgio Costa Júnior, réu confesso no assassinato da juíza Patrícia Acioli, foi condenado pela 3ª Vara Criminal de Niterói por formação de quadrilha e homicídio triplamente qualificado. O desafio agora das autoridades, em relação a ele especificamente, será, dentro do regime carcerário, lhe garantir a integridade física e a vida. Onde colocar o ex-PM para cumprir sua pena, e como garantir que não seja objeto de vingança por parte de criminosos ou por seus ex-cúmplices, inconformados com a delação da qual ele foi autor.

LEIA + AQUI
http://odia.ig.com.br/portal/rio/pm-%C3%A9-condenado-por-morte-da-ju%C3%ADza-patr%C3%ADcia-acioli-1.522559

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

OPERAÇÃO PURIFICAÇÃO - PRESOS 59 PMs NO RIO DE JANEIRO

A POLÍCIA QUE ENVERGONHA - ELES RECEBIAM MAIS DOS TRAFICANTES PARA NÃO COMBATER O TRÁFICO, DO QUE O ESTADO LHES PAGA DE SALÁRIO PARA DEFENDER A ORDEM A LEI E A SEGURANÇA PÚBLICA.



Megaoperação prende 70 pessoas, sendo 11 PMs

A Operação Purificação tinha como meta cumprir 83 mandados de prisão, sendo 65 de PMs e 18 de traficantes e integrantes da quadrilha. Os policiais – à época lotados no 15º BPM, de acordo com investigações, recebiam propina dos bandidos para não coibir atividades criminosas em 13 favelas de Caxias dominadas por facção criminosa. Os mandados de busca e apreensão são cumpridos na casa dos denunciados e em batalhões da PM.

LEIA + AQUI
COMANDANTE DA PM FALA NA HUMILHAÇÃO DA CORRUPÇÃO

JUÍZA PATRÍCIA ACIOLI - JULGAMENTO DO PRIMEIRO ASSASSINO E RÉU CONFESSO.

COMEÇA HOJE - RÉU: SÉRGIO COSTA (CABO DA POLÍCIA MILITAR)


Covardemente assassinada em agosto do ano passado, a juíza Patrícia Acioli simboliza a fragilidade da segurança e proteção à vida de todos os que de alguma forma buscam barrar ou punir criminosos. De Juízes até testemunhas, muitos são ameaçados, acuados, alguns são até mortos.

Foi muito importante, sob o ponto de vista de desestímulo aos criminosos e quadrilheiros, notadamente aos que se escondem sob o manto de autoridade com arma, distintivo e identidade oficial oferecida pelo Estado, que os mandantes, "arquitetos" e executores da morte da juíza Patrícia Acioli tenham sido identificados, presos e processados, sendo inclusive julgados em tão curto espaço de tempo para os nossos padrões de JUSTIÇA.

Uma pena, que nem todos os homicídios sejam apurados com este mesmo interesse e com a rapidez da morte da juíza. Nós só teremos mesmo feito algum avanço, quando os 'mafiosos' e bandidos de toda as 'categorias' sentirem-se desencorajados em matar JUÍZES ou CIDADÃOS COMUNS.

LEIA + AQUI

domingo, 2 de dezembro de 2012

ESCRIVÃ DE POLÍCIA MATA NAMORADO EM NOVA IGUAÇÚ

O PROCEDIMENTO CORRETO NÃO FOI ADOTADO 




A Escrivã Priscila Duarte da Silva, 31 anos, ao se sentir ameaçada pelo namorado (que é lutador de Artes Marciais), deveria ter pedido, além da presença de um advogado e de um policial seu amigo, que a Polícia Militar comparecesse ao seu prédio, onde João Luís Sá Freire Azevedo, que acabou sendo morto, a estava aguardando, após uma discussão.

O fim trágico, em que ela acabou por atirar no namorado, segundo seu relato, para tentar apenas lhe ferir e impedir que ele asfixiasse o colega policial que foi lhe prestar socorro, guarda relação com a decisão de não terem tomado a decisão correta.


LEIA + AQUI
http://odia.ig.com.br/portal/rio/policial-que-matou-namorado-%C3%A9-afastada-e-responder%C3%A1-acusa%C3%A7%C3%A3o-em-liberdade-1.521621

EM VÍDEO - A VIOLÊNCIA COMO ELA É: CRUEL

PROFESSOR TENTA FUGIR DE ASSALTANTES - MORTO PELAS COSTAS


LEIA + AQUI

sábado, 1 de dezembro de 2012

VÍDEO - PROFESSOR É ASSASSINADO EM GOIÂNIA - POLÍCIA PRENDE OS SUPOSTOS AUTORES DO CRIME



Crime ocorreu no Jardim Atlântico, na região sudoeste, nas proximidades do Parque Cascavel, o professor universitário Adolfo Sérgio Furtado da Silva, de 46 anos, foi assassinado nas proximidades de sua residência.



VÍDEOS



Câmeras de segurança mostram a aproximação de um carro e a tentativa do professor universitário de fugir, arrancando com seu veículo. Um homem aparece então no canto superior das imagens do vídeo perseguindo o veículo do professor e fazendo o que parece ser um disparo.

Familiares e vizinhos da vítima chegam na porta da residência e uma mulher (esposa da vítima) corre em direção ao veículo do professor que se chocou com uma árvore. Na foto ele aparece baleado e morto caído do lado de fora do automóvel.

Quatro elementos foram presos, acusados do homicídio e de prática de outros assaltos na região de Goiânia. Com eles a polícia apreendeu jóias, dinheiro, armas e carros roubados.

COMPLEXO DO ALEMÃO - POLICIAS NOVATOS PEDEM "SOCORRO" AO JORNAL O DIA

TRAFICANTES DIZEM "PRESENTE" E AINDA SÃO AMEAÇA A PAZ NA REGIÃO DA PENHA


Em resposta aos últimos incidentes na Região da Penha (COMPLEXO DO ALEMÃO) em que Bases das UPPs foram atacadas e um PM chegou a ser baleado, escapando sem maiores problemas do tiro de pistola que recebeu pelas costas, graças ao COLETE À PROVA DE BALAS, o comando da corporação informa que serão instaladas 9 CÂMERAS de vigilância na área.

O NÚMERO de câmeras é INSUFICIENTE, e anunciar que não ocorrerá aumento de efetivo e nem mesmo qualquer ação para intensificar e aperfeiçoar o policiamento naquele ainda CONTURBADO e Perigoso Complexo de favelas, pode ser entendido como sinal de que o Estado não dispõe de estrutura para isso.

Custou muito caro (em todos os sentidos) a ocupação e recuperação daquela Região, antes controlada pelo poder paralelo. É bom que as autoridades entendam que não podem ficar no meio do caminho. É PRECISO FORTALECER A SEGURANÇA e oferecer MAIS SERVIÇOS PÚBLICOS, além de gerar oportunidades de estudo e trabalho para crianças, jovens e adultos. 

BARBA, CABELO E BIGODE, é o que se espera do Governo do Estado naquela REGIÃO da Cidade.

E atenção e respeito pelo GRITO de SOCORRO dos Policias. Quem está na LINHA DE FRENTE E DE TIRO, é que sabe de fato a realidade e a extensão do problema.

LEIA + AQUI